Entrevista - Banda Agave Tequilana

20:30

Por Débora Queirós

De onde surgiu o nome Agave Tequilana? Confesso que nunca tinha ouvido nada do tipo e passei alguns minutos tentando juntar A+B e não cheguei a lugar nenhum (risos). E desde o início do grupo, é esse nome ou houve mudanças com o passar do tempo?

O nome Agave Tequilana veio na verdade de através de um curso de "Bartender" que eu Julimar (Vocal) fiz, " Desde a primeira vez que eu ouvi o nome, não saiu mais da minha cabeça." Agave Tequilana é uma espécie de planta Mexicana que se usa para fazer tequila. Mais este é o quarto nome da banda, Mais esse é definitivo. Garantimos. (risos) 

- A banda ainda está com a formação original? Como vocês selecionaram as pessoas para cada função? Houve teste de seleção ou apenas um grupo de amigos se reuniu e resolver sair tocando por ai?
Não, a banda já passou por varias formações ate chegar na atual, tendo três ex-integrantes , e a questão da função é tipo assim, cada um toca melhor um tipo instrumento por exemplo não adianta jogar o Felipe (Guitarra) na batera do Ramon (bateria) ia ser um desastre, resumindo cada toca oque sabe de melhor. 
- Se houve muito falar, que no início e muitas vezes no decorrer da carreira, a banda enfrenta muitos problemas e rejeições? Aconteceu ou ainda acontece esse tipo de coisa com vocês? Como lidar com empresários, publico e pessoas envolvidas no meio artístico?
A Agave apesar de varias mudanças é uma banda ainda muito nova, em questão de empresário não se tem muito contato, em questão de rejeição é meio que normal, pois aqui no Ceará todo mundo sabe que oque prevalece são outros ritmos locais, Ramon - "espero que isso um dia mude e que o rock ganhe mais a cena." 
mais já tem muita gente apoiando o nosso trabalho e muita expectativa pro (Live to Rock Amontada).
- Qual o local mais bacana que já tocaram? Como foi a experiência e como surgiu o convite?
Foi em um bar local (Amontada) chamado Cuca Nova, no interior de Fortaleza, foi uma experiência bem legal porque era em local aberto, as pessoas paravam para ver nossa apresentação, tinha um público razoável e a galera se divertiu bastante. Não foi bem um convite, nós tomamos a iniciativa de querer tocar lá, já que nós frequentávamos bastante o local, e foi assim... Como diria o Ramon : " Foi do C@ra#$#!!!!"

- Toda ser humano SEMPRE tem uma boa história pra contar. Seja de superação, mancadas, loucuras e blá, blá. Qual dessas aventuras vocês gostariam de resumir pra gente? As divertidas são as melhores.
Cara com certeza pra mim (Julimar) e pro Felipe sem dúvida foi um show que agente foi de uma banda baiana chamada Vivendo do Ócio que é uma banda que nos inspira pra tocar, e agente gosta muito gosta tanto que agente toca algumas músicas deles na nossa setlist, "Agente esperava apenas assistir um bom show de uma banda que gostamos, mais foi muito mais além." Felipe. Depois do show os caras desceram no meio da galera e eu e o Felipe bebemos e trocamos uma ideia com os caras, e aquilo foi meio loco de acreditar. "Demorou alguns dias pra cair a ficha." Mas a melhor parte foi o Jajá Cardoso Vocalista da Vivendo do Ócio por Cachaça direto na boca do Felipe. (risos). Depois do show o Felipe saiu com a baqueta do Diego Reis, e o Jajá me deu a palheta do show. muito da hora! 

- Qual um pensamento que sempre os acompanha?
Atitude e Auto Confiança!

Você pode gostar também:

0 comentários

POPULARES

INSTAGRAM

CONTATO

Nome

E-mail *

Mensagem *

Inscreva-se