Faculdade, o que me esperou?

12:44

Por Débora Queirós

Amigo secreto de final do semestre.
Finalmente acabou o semestre. Fiquei meio louca com os últimos acontecimentos, houve desentendimentos, apresentações ruins, trabalhos feito com uma urgência tremenda, falta de atualização no blog, stress na vida pessoal, preocupações com notas de provas a serem alcançadas e mais um montão de coisas. Mas TUDO acabou ontem, quando a minha ultima nota da cadeira foi lançada e é com alívio que digo: PASSEI e estou de FÉRIAS.






Nada mais merecido do que no último dia de aula, 
cabine fotográfica ser aberta e nós 
acabarmos nos divertindo como aconteceu 
durante todo o ano. Ah gente, não estava pensando
 em escrever um post sobre 
"Meu primeiro ano da faculdade"
mas já comecei a entrar no assunto,
 vamos adiante não é verdade?
 ~vou me emocionar daqui pro final~

Quem acompanha minha saga desde o ano passado, sabe por quantas dúvidas passei sobre "Qual faculdade ir?" Passei em três e uma delas foi em São Paulo (que sempre sonhei), mas por motivos familiares e uma súbita falta de coragem, acabei ficando por aqui. Me matriculei em uma e depois fui chamada para a Unifor, como a Andy já havia se matriculado lá (para o mesmo curso que eu) arrisquei e fui com a cara e a coragem, já que as aulas já haviam começado a uma semana.
Nos primeiros dias, ficava pensando "esse povo faz comunicação e é tão calado..." fui totalmente contraditória ao afirmar isso, pois não deu três semanas de aulas, a galera já estava toda entrosada e o professor tinha que falar "gaaalera, vamos se acalmar aaii..." já deve imaginar as turmas das pessoas que fazem publicidade, jornalismo e áudio visual, é assunto que não acaba mais.

Por sorte, sempre encontrei turmas que foram bem unidas e que gostavam de manter um elo de amizade forte. Não foi diferente com a turma do 2011.1, não é querendo me gabar, mas nunca ouvir falar de uma turma que se reunia (mesmo que não estudassem mais com todas as cadeiras iguais) pra fazer piquenique e passar um tempo maior com o pessoal.

Outro medo que tinha era que não conseguiria encontrar amigos tão verdadeiros como no colégio, as pessoas sempre diziam "amigos da faculdade, serão sempre colegas." mas um ponto negativo pra essa afirmação, graças a Deus encontrei pessoas maravilhosas pra dividir meus intervalos e conversas (e quaaanta conversa viu.) Rodei muito até encontrar eles, mas foram eles que me fizeram ir todos os dias pensando em quão bom seria ir a aula naquela manhã.
O primeiro ano de faculdade foi experiência incrível pra mim, conto poucos coisas aqui no blog (normalmente ensaios fotográficos) mas cresci muito com as pessoas que convivi este ano. Aprendi, quebrei a cara, tive que saber trabalhar em grupo de pessoas com opiniões diversas, conheci professores excelentes e que estão guardados com carinho, pude estudar o que eu gosto e sei que vai servir pra alguma coisa (hehe). E o melhor, tive a confirmação que estou no curso certo, se a carreira vai ser brilhante ou não? Isso depende de mim e das oportunidades que com certeza não deixarei passar.
E para os que terminaram o terceirão e estarão ingressando na faculdade ano que vem, BOA SORTE. O colégio ensinou bastante coisa e você garantiu professores e amigos para a vida inteira, mas não se deixe intimidar por isso e torne a faculdade o seu segundo grande amor. 
ps: se quiser ver a imagem maior, é só clicar duas vezes nela.

Você pode gostar também:

0 comentários

POPULARES

INSTAGRAM

CONTATO

Nome

E-mail *

Mensagem *

Inscreva-se