Saudades de um melhor amigo.

17:59

Por Débora Queirós

Sabe aquelas conversas infinitas que tínhamos todas as vezes que nos “encontrávamos”? Nossos conselhos bobos, meu antigo ciúme, nosso sonho de nos conhecermos e fazer as maiores besteiras juntos, nossas brigas diárias, nossos eternos defeitos, nossas vozes horripilantes, nossas conversas de boa noite, nossos trabalhos cansativos, nossa surpresa quando descobríamos algo em comum, suas repreensões por algo estúpido que havia cometido, minha conversa insuportável quando defendia o que gostava, seu ódio por fotografia, minha insistência por uma e nosso carinho imenso guardado no coração de cada um? Então, eu preciso disso de volta.

Você pode gostar também:

0 comentários

POPULARES

INSTAGRAM

CONTATO

Nome

E-mail *

Mensagem *

Inscreva-se