Vocês.

11:44

Por Debinha.Q

Essa madrugada está tão escura, todos os dias são assim, mas hoje está pior. Não consigo ver um brilho se quer. O vento não sopra, a chuva não faz barulho, a música já não tem a melodia apropriada. Mas minhas lágrimas... essas eu posso sentir. Meu travesseiro está cheio delas, se pudesse me ver no espelho agora, meus olhos sem dúvida estariam inchados. Fazia um bom tempo que não sentia esse sentimento, ele me destrói, me faz lembrar um tempo bom e o pior, mostra que ele não vai voltar. É impossível, como o próprio nome diz, é passado. Só restam fotos, recados, lembranças. Ao fechar os olhos à definição deles é tão nítida que por um momento um sorriso estampa meu rosto, saudade por que insiste em voltar? Virei o travesseiro ao avesso, não quero sentir a umidade que deixei por lá. Quero aproveitar o que ainda posso lembrar. Elas começaram a ficar turvas, falhas? Borrões? Fala mais alto eu não consigo ouvir vocês. Por que tudo está ficando preto e branco? Cores, cores, eu preciso delas. Silêncio, Escuridão, Pretérito, foi o que restou. Chegou a hora de dormir. Bom sonho, neles a esperança ainda existe.

Você pode gostar também:

0 comentários

POPULARES

INSTAGRAM

CONTATO

Nome

E-mail *

Mensagem *

Inscreva-se